terça-feira, 11 de outubro de 2016

A Alma da Beira no Castelo de Artes. Out.2016


A Alma da Beira, é o meu projecto no Castelo de Artes - Encontros de Castelo Branco, que decorre este mês de Outubro no concelho de Castelo Branco e com organização do Cultura Vibra/Municipio de Castelo Branco. Este é um convite para registar em imagens  pormenores e algumas imagens macro; texturas, materiais e cores representativas da beira baixa. No final, ambiciono conseguir um mosaico representativo do que na minha opinião é a alma da beira baixa, com íntimos registos fotográficos na sua composição natural, cultural e humana. Salientando o facto de este projecto fotográfico acontecer no espaço e no tempo, marcado pelo Outono, com as suas marcas mais fortes,  com as cores e tonalidades, cheiros e produtos. Pretende-se registar e identificar uma riqueza local e uma vivência actual, trabalhar o mundo rural em duas áreas de grande valor, a Serra da Gardunha - nas freguesias de  S.Vicente da Beira e Louriçal do Campo, representando as zonas mais altas e a sul o Tejo Internacional - entre as freguesias de Monforte da Beira e Malpica do Tejo, descrevendo a zona mais plana e do quase alentejo, como espaços multiculturais onde os patrimónios se tocam e vidas acontecem a cada segundo. Esta residência artística é partilhada com o Gonçalo Pereira - director da revista National Geographic Portugal, que ao qual enderecei o convite para fazer os textos do livro que vai ser lançado no final do projecto e onde se juntam as minhas imagens realizadas agora. Fiquem atentos, vou contando como tudo vai acontecendo...